Novas medicações trazem esperança para o tratamento de câncer de próstata avançado

Novas medicações trazem esperança para o câncer de próstata avançado

Navegue por tópicos:

Incorporando o que há de mais avançado na tecnologia médica, a cirurgia robótica permite curar o paciente do câncer de próstata, desde que o diagnóstico ocorra em fase inicial. 

Muitos casos, porém, ainda são detectados em fase avançada, quando o câncer, que se iniciou na próstata, já atingiu outros órgãos, isto é, já existem metástases e não há mais chance de cura. Nesse cenário de doença disseminada, podemos apenas administrar medicações para reduzir a produção de testosterona, reduzindo, temporariamente, a velocidade de crescimento do tumor. 

No entanto, um estudo recente conduzido por pesquisadores do Reino Unido e Estados Unidos trouxe nova esperança no tratamento de casos avançados de câncer de próstata

Continue a leitura e saiba mais! 

Medicamento mostra resultados promissores quando outras drogas não são mais eficazes contra o câncer de próstata

Quando o diagnóstico do câncer de próstata ocorre em fase avançada da doença e já existem metástases, não é mais possível curar o paciente. Podemos apenas administrar medicações que reduzem a produção de testosterona, o que reduz temporariamente a velocidade de crescimento do tumor. Após cerca de 36 meses, porém, o tumor torna-se resistente a esse tipo de tratamento. 

Pesquisas recentes, porém, identificaram estruturas celulares que participam desse mecanismo de resistência, as proteínas co-ativadoras de fator de transcrição p300/CBP. Cientistas desenvolveram, então, um medicamento que bloqueia essas estruturas, inibindo novamente o crescimento das células tumorais. 

Tratamento de pedra no rim

Por meio de testes em amostras de tecido obtidas de pacientes com câncer, demonstraram que a medicação atua adequadamente, mesmo em situações em que as drogas que reduzem a produção de testosterona não são mais eficazes. 

Estudos clínicos em andamento

É preciso ressaltar, porém, que esses resultados foram obtidos por meio de testes em amostras de tecido de pacientes com câncer. Para que possamos definir a real eficácia e toxicidade da medicação em pacientes, devemos aguardar a conclusão dos estudos clínicos com pacientes que já estão em andamento. 

Detecção precoce ainda é a melhor forma de prevenção contra o câncer de próstata

Finalmente, devemos reforçar que a melhor maneira de garantir alta taxa de cura e prevenir complicações relacionadas ao câncer de próstata é fazer consultas regulares com o urologista, para exame de toque e dosagem de PSA, o que permite detecção precoce da doença. 

Gostou do artigo? Acompanhe o blog da Clínica Takano para mais informações sobre tratamento de câncer de próstata.

Para agendar uma consulta com o Dr. Luiz Takano clique aqui! 

Dr. Luiz Takano <meta name="author" content="Doutor Luiz Takano, Médico Urologista. CRM 119.898">

Dr. Luiz Takano

Urologista – CRM 119.898
Membro titular da Sociedade Brasileira de Urologia.
Formação em Cirurgia Urológica Robótica na Johns Hopkins School of Medicine.

Agende sua consulta

Outros Artigos